> > > AMALCABURIO

AMALCABURIO | galeria

A firma Irmãos Amalcaburio Ltda. teve sua origem em uma oficina de reforma e pintura de cabines de caminhões pesados criada em 1958, em Caxias do Sul (RS). Em 1963 produziu suas primeiras peças – caixas de bateria para caminhões FNM –, dando início a um negócio que determinaria o futuro da empresa: a Amalcaburio é hoje um dos maiores fornecedores de cabines metálicas e componentes estampados e termoformados do país. Supre com mais de 2.000 diferentes itens tanto os fabricantes de veículos (componentes para Agrale, AGCO e Iveco, inclusive longarinas) quanto o mercado de reposição (cabines para todos os modelos Mercedes-Benz fora de linha, utilizando matrizes adquiridas da própria montadora). Eventualmente também efetua transformações em cabines de caminhão, alongando-as ou instalando portas adicionais.

Em 2005, ano em que ultrapassou a marca das 10.000 cabines fabricadas, a empresa abriu nova frente de atuação ao apresentar na Fenatran seu primeiro carro-forte, o Alcatraz, com 6,0 m de comprimento, estilo decididamente moderno e o melhor design do segmento. Projetado para ser montado em chassis de qualquer marca, a concepção monovolume do carro-forte proporcionou espaço interno maior do que o dos concorrentes. Especial atenção foi dada ao conforto do motorista e tripulantes: painel de instrumentos especialmente desenhado, em fibra, com porta-objetos e espaço para rádio, quatro bancos reclináveis com cintos de três pontos e apoio para a cabeça, climatização e iluminação fluorescente individual. Entre os itens de segurança, nove seteiras com maior ângulo de tiro, alçapões no teto e no piso (para saída de emergência em caso de tombamento) e blindagem em todo o corpo do veículo, inclusive piso. Por seu dinamismo, naquele ano a Amalcaburio foi indicada pela revista Autodata uma das candidatas ao prêmio Melhores do Setor Automotivo.

Nos anos seguintes, mais três blindados foram agregados à linha de produtos da empresa: Alcatraz TR, para o transporte de tropas e capacidade para oito tripulantes; Gran Alcatraz, caminhão-baú para 11 t e capacidade de 30 m³, e, apresentado na Fenatran 2009, o Alcatraz City, carro para transporte de valores com a menor carroceria monovolume do mercado (apenas 4,7 m de comprimento), adequado para operar em áreas urbanas com restrições ao tráfego de carga. Duas novas versões do Alcatraz foram apresentadas em 2010, Pacificador e Anti-Motim, com carroceria mais longa e capacidade para guarnições de até 12 soldados. Com ótima visibilidade (área envidraçada superior a 6 m2), ambos vinham equipados com torre fixa hexagonal (com canhão de água, no caso do Anti-Motim), 22 seteiras com vigias de vidro blindado, para-choque traseiro retrátil, limpa-trilhos com elevação hidráulica e capacidade de deslocamento de obstáculos de até 3 t e guincho com cabo para arraste de até 5 t. Pintura e acabamentos internos têm padrão automobilístico.  

<amalcaburio.com.br>





Google GmailFacebookTwitter