> > ACQUATEC

ACQUATEC | galeria

A Acquatec Indústria e Comércio era uma microempresa que operava no ramo de piscinas de fibra de vidro e que produziu, por alguns anos, buggies e bajas em sua fábrica de Volta Redonda (RJ). O buggy, batizado Vega, foi pela primeira vez apresentado na Femicro – feira para micro e pequenos empresários que teve lugar naquela cidade em novembro de 1983. Ao oferecer um desenho esteticamente bem cuidado, o projeto buscava fugir do lugar-comum, intenção evidenciada por detalhes tais como a harmoniosa dianteira curta, seus faróis retangulares (do Fiat 147), as grandes lanternas traseiras e o santantônio integrado à carroceria plástica. Diferentemente da maioria dos buggies de então, o Vega dispunha de chassi tubular projetado pela própria Acquatec, dispensando, assim, a plataforma Volkswagen.

Aproveitando a moda dos baja bugs que tardiamente chegava ao país, em 1985 a Acquatec lançou o seu próprio modelo. Da mesma forma que os demais bajas fabricados mundo afora, utilizava plataforma, mecânica e carroceria do Fusca, esta com as extremidades cortadas de modo a aumentar substancialmente os ângulos de ataque e saída, deixando aparentes motor e suspensão dianteira; capôs e pára-lamas eram substituídos por peças em fibra de vidro de desenho próprio. Também neste caso os projetistas da Acquatec procuraram se distanciar da concorrência, dotando o carro de detalhes inteligentes, o mais visível dos quais era a “cesta” tubular traseira, pintada em cores vivas, contrastantes com a carroceria, que protegia o motor e fazia as vezes de para-choque. A vida dos veículos da Acquatec foi curta. Em 1986 os moldes foram vendidos à Só Buggy, de Santos (SP); esta, por sua vez, cedeu os direitos de fabricação do buggy Vega para a paulistana Show Buggy’s, que naquele mesmo ano lançou-o, sem o santantônio integrado, com o nome Leblon.





Google GmailFacebookTwitter